Geographic spaciality: new analyse horizons

Title

Geographic spaciality: new analyse horizons
Espacialidades geográficas: novos horizontes de análise - doi: 10.4025/bolgeogr.v30i1.13057

Description

This study aims to add value to the geographic research when it seeks to combine the linguistic studies to the geographic spatiality concept analyzed by the aesthetic look. In cultural humanistic geography the issue which involves the questionings related to the social relations Field, that integrate and participate of the individual social construction, is currently taken as a new researchers challenge for those who search new analysis horizons. When is tried to ally the cultural studies, perceiving it as a socio-spatial group, from the structural linguistic analytical concepts contributions and art philosophy arises a new cultural spatiality understanding methodology that portray an space multiplicity which interact among themselves. However, the still unpublished character of this approach seeks to fulfill its role in the approaches and concepts evolutions that is shown as riches in its manifestations and which, at this moment, is happening in a new way in the geography field. In this context, aims to interpret the enunciated of architectural Jesuit reductions language developed by Spanish Jesuits of the Prata Region rescuing the thought about the symbolic shapes questions existing in daily space and its relation with the social groups actives in this space.
Este estudo visa agregar valor às pesquisas geográficas quando busca aliar os estudos lingüísticos ao conceito de espacialidades geográficas analisadas pelo olhar da estética. No âmbito da geografia humanística cultural a questão que envolve os questionamentos em relação ao campo das relações sociais, que se integram e participam da construção social do indivíduo, é tido atualmente como um novo desafio aos pesquisadores que buscam novos horizontes de análise. Quando se tenta aliar os estudos da cultura, entendendo esta como um conjunto sócio-espacial, às contribuições dos conceitos analíticos da lingüística estrutural e da filosofia da arte surge uma nova metodologia de se entender as espacialidades culturais que retratam uma multiplicidade de espaços que acabam por interagir entre si.  Porém, o caráter ainda inédito desta abordagem busca cumprir seu papel dentro da evolução dos conceitos e abordagens que se mostram ricos em suas manifestações e que, por hora, ocorrem de maneira renovadora no campo da geografia. Neste contexto, visa interpretar o enunciado da linguagem arquitetônica das reduções jesuíticas desenvolvidas pelos jesuítas espanhóis na Região do Prata resgatando o pensamento sobre as questões das formas simbólicas presentes no espaço cotidiano e sua relação com os grupos sociais que atuam neste espaço.

Source

Boletim de Geografia; v. 30 n. 1 (2012); 69-79
2176-4786
0102-5198

Publisher

Departamento de Geografia - Universidade Estadual de Maringá

Date

2012-06-21

Output Formats

Compartir

Position: 16554 (47 views)