Contradições da produção do espaço dos assentamentos: a conquista do PDA pelo MST; um estudo de caso da Comunidade de Resistência Roseli Nunes - Pequi/MG

Title

Contradições da produção do espaço dos assentamentos: a conquista do PDA pelo MST; um estudo de caso da Comunidade de Resistência Roseli Nunes - Pequi/MG

Description

A partir de 2003 o Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem Terra, MST, tornou-se responsável pela organização e planejamento de seus assentamentos através da elaboração do Plano de Desenvolvimento do Assentamento, PDA. Como conseqüências do planejamento do MST, foram levantadas questões que vão muito além da execução desta tarefa: qual é, por exemplo, o modelo de assentamento desejado pelas famílias e pelo MST? Como este deve ser construído? Numa dinâmica social em que o espaço é utilizado como um instrumento político, a realização do PDA pelo MST é mais que somente a execução de uma tarefa que previamente fora exercida pelo Estado, uma vez que também envolve o conflito entre grupos diferentes e a disputa por distintas produções do espaço. A partir do estudo da questão agrária brasileira e do desenvolvimento do MST, este trabalho descreve e analisa o primeiro PDA executado pelo MST no assentamento Comunidade de Resistência Roseli Nunes, município de Pequi, em Minas Gerais, Brasil. Mais do que restringir-se à mera descrição desse processo, essa pesquisa expõe as contradições do planejamento dos assentamentos pelo MST em que as pessoas envolvidas nesse processo são, simultaneamente, produtos e produtores do espaço agrário no cenário presente no Brasil.

Publisher

Universidade Federal de Minas Gerais
UFMG

Date

2019-08-11T05:25:45Z
2019-08-11T05:25:45Z
2008-08-11

Contributor

Sergio Manuel Merencio Martins
Heloisa Soares de Moura Costa
Claudinei Lourenco
Carlos Eduardo Mazzetto Silva

Output Formats

Compartir

Position: 994 (101 views)